- J -

Jejum [do latim jejunu] - 1. Abstinência total ou parcial de alimentação em dias prescritos por fé religiosa, penitência ou por determinação médica. 2. Situação de quem não se alimenta desde o dia anterior. 3. Em linguagem figurativa, a abstenção ou privação de alguma coisa.

Jejuno [do latim jejunu] - 1. Aquele que está em jejum. 2. O insipiente, o ignorante, aquele que nada sabe sobre determinado assunto ou coisa.

Jesus – O ser mais perfeito que Deus ofereceu aos homens para lhes servir de modelo e guia.
O espírito de maior grau ou patente evolutiva já encarnado no planeta terra. Segundo a doutrina espírita, Jesus é o "administrador" espiritual do planeta e de todos os espíritos que nele se encontram, sejam encarnados ou não.Sob sua tutela estão todos os espíritos aqui existentes.Trata-se de uma entidade espiritual de altíssima evolução moral.Cujas faculdades morais e espirituais jamais poderiamos definir em nossa linguagem. (Leitura básica: "O sublime peregrino", obra psicografada pelo médium Hercílio Maes e ditada pelo espírito Ramatís, "O evangelho segundo o espiritismo" de Allan Kardec, "O evangelho á luz do cosmo" psicografado p/ Hercílio Maes e ditado p/ Ramatís, "Jesus dos 13 aos 30 anos" de Francisco Klörs Werneck e obviamente o "Novo Testamento" : Mateus, Marcos, Lucas, João, Atos, Romanos, Coríntios, Gálatas, Efésios, Filipenses, Colossenses, Tessalonicenses, Timóteo, Tito, Filemom, Hebreus, Tiago, Pedro, João e Judas, não contando para o interesse específico o livro Apocalipse )

Juízo [do latim judiciu]- 1. Ato de julgar; julgamento. 2. Estabelecimento de uma relação determinada entre dois ou mais termos (sujeito e predicado), podendo assumir o caráter de ser verdadeira ou falsa.

Julgar [do lat. judicare] – 1. Decidir como juiz ou árbitro, dizendo o direito. 2. Supor, imaginar, conjeturar. 3. Formar opinião sobre; avaliar. 4. Sentenciar, decidir, condenar.